Xeka na primeira pessoa: Rennes, Lille e a mágoa da seleção

        Aos 28 anos, acabados de fazer na passada quinta-feira, Xeka mudou de clube no futebol francês, mas continua a evidenciar uma grande consistência. Agora no Rennes, o médio entrou com impacto na equipa de Bruno Génésio.Nesta entrevista ao zerozero o jogador natural de Paredes falou sobre a mudança, sobre como foi gerir o fim do mercado de transferências e não ter encontrado clube, recordou o título do Lille em 2020/2021, mas também falou sobre seleção nacional, a qual nunca foi chamado.
        Envoyé Par: zacatzz - Ajoutée 15 mois - 489 Visites
        E0